Doença Renal
Doença Renal Cão

Mais Informações

O que é a Doença Renal

Tal como acontece com o funcionamento dos nossos rins, os rins dos nossos cães têm a função de filtrar o sangue e remover determinadas substâncias para serem excretadas pela urina.

Para além de “filtrarem” o sangue, eliminado da circulação sanguínea químicos e/ou medicamentos, os rins são também responsáveis pela libertação de hormonas que regulam a pressão arterial/venosa, hormonas que controlam o metabolismo do cálcio, e são também responsáveis por controlar a produção de glóbulos vermelhos e manter o balanço de fluidos no organismo.

doença renal é uma condição de saúde que surge quando os rins deixam de ter capacidade para realizar a sua função de filtrar o sangue.

 

Este é um problema de saúde habitual..

Efectivamente a Doença Renal é um problema de saúde habitual em todas as espécies de animais, com maior frequência nos animais de idade mais avançada, sendo uma das principais causas de morte.

 

A doença renal aguda (de rápida evolução) acontece de forma súbita e pode ter como causas principais: toxinas, isquémia, obstrução à saída da urina, neoplasia, infecção, sepsis e a ingestão de substâncias nocivas (como herbicidas, pesticidas, solventes, diluentes ou outro tipo de substâncias químicas comuns).

A exposição a qualquer tipo de químico deste género deve ser considerada uma emergência médica e deverá procurar de imediato a ajuda do seu Médico Veterinário.

A doença renal crónica pode dever-se a uma progressão de uma lesão renal, ou a uma agressão repetida ou severa de uma doença renal não progressiva, que leva a uma destruição do tecido funcional do rim e a uma condição urémica que pode ser fatal.

As causas mais comuns são: alimentares, presença de mineralizações renais, a predisposição genética e/ou complicações inerentes ao desenvolvimento de outras doenças como por exemplo a diabetes, a hipertensão arterial ou a Leishmaniose.

Infelizmente,as lesões tissulares renais não regeneram, e os sintomas de deficiente funcionamento dos rins só se tornam evidentes numa fase avançada da doença.

Os sintomas e sinais clínicos característicos podem aparecer de repente ou lentamente e infelizmente não são específicos desta doença,

  • Perda de apetite
  • Necessidade acrescida de beber água
  • Produção excessiva de urina
  • Pêlo enfraquecido
  • Vómitos
  • Perda de peso
  • Fraqueza e fadiga
  • Mau hálito

Os exames complementares de diagnóstico, como as análises ao sangue e urina, são fundamentais para detectar a doença num estado precoce.

 

Para isso é essencial a visita periódica ao seu Médico Veterinário de Família.

A Doença Renal é normalmente evolutiva, podendo dar origem a hipertensão arterial e outras complicações de saúde, no entanto, o nosso Médico Veterinário pode atrasar a evolução da doença e com o devido acompanhamento o seu cão pode continuar a viver com boa qualidade de vida e por muito mais tempo.

Detecção da doença renal por parte do seu Médico Veterinário de Família

A detecção e diagnóstico passa por uma análise da história clínica do seu cão, pelos sinais/sintomas clínicos e por uma avaliação médica. Esta etapa pode incluir análises ao sangue (hemograma e bioquímica) e análises à urina, podendo incluir também radiografias ou mesmo ultra-sons e ecografia.

Estes exames são fundamentais e o nosso Médico Veterinário estará à sua disposição para responder a todas as dúvidas que surjam.

Tratamento

O seu Médico Veterinário de Família irá determinar qual o tratamento adequando para a fase em que se encontra a doença renal, podendo incluir fluidoterapia com internamento, bem como alterações dos hábitos alimentares e medicação.

De forma a controlar a evolução da doença pode ser necessária a realização de exames de rotina, incluindo análises ao sangue e à urina e outros procedimentos de acompanhamento, indicados pelo nosso Médico Veterinário.

Hábitos diários para ajudar o meu cão… 

O risco de desidratar é maior em pacientes com doença renal. Desta forma, deve incentivar o seu cão a beber mais água – poderá por exemplo ter vários recipientes com água fresca e incluir na alimentação alimentos húmidos adequados já que estes têm um maior teor de água.

Deverá também aumentar o número de passeios à rua.

Devo alimentar o meu cão com uma dieta específica para doentes renais? 

Determinadas marcas credíveis têm alimentos médicos específicos para doentes renais. Esses alimentos, de baixas concentrações de fósforo e níveis reduzidos de proteína, são fundamentais para controlar a doença e atrasar a evolução da doença renal.

É muito importante alimentar o seu cão apenas com este tipo de alimentação ou mediante recomendação dos nossos Médicos Veterinários.

Royal Canin

Pedido de Informação sobre Doença Renal